Método cooperativo no ensino de química: uma abordagem do conteúdo soluções químicas através do método Jigsaw

Autores

Palavras-chave:

Método cooperativo, Jigsaw, Ensino de Química.

Resumo

Nas últimas décadas novas estratégias de ensino tem surgido, entre elas, aquelas que buscam efetivar a relação e a interação entre alunos, fator determinante para o alcance de índices favoráveis de rendimento acadêmico e atitudes relativas ao desenvolvimento social e cognitivo. Nesse contexto, se destaca a aprendizagem cooperativa, com características de natureza social, através da interação entre estudantes ao compartilharem suas ideias, até chegarem a um entendimento individual e coletivo, o que contribui para a melhoria do processo de ensino aprendizagem. Assim, este trabalho aborda as contribuições do método cooperativo de aprendizagem Jigsaw, no formato de oficina, para a aprendizagem do conteúdo químico soluções, na disciplina de química de uma turma do 2º ano do Ensino Médio.  Como ferramenta de análise, foram utilizados questionários no formato Likert, com o objetivo de verificar contribuições da proposta para a assimilação do conteúdo e avaliação do método. Os resultados demonstram que, aproximadamente, 92 % das respostas dos alunos foram favoráveis à assimilação do conteúdo soluções químicas, através da utilização do método e, cerca de 99 % das respostas dos alunos confirmam como positiva e eficiente a utilização do método Jigsaw, como ferramenta de aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francisco Alves de Souza Santos, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - IFMA/Campus Codó

Possui graduação em Química pelo Instituto Federal do Maranhão (2018). Tem experiência na área de Ciências, com ênfase em Química e atuações em linhas de pesquisa no ramo da química, especialmente com a Aprendizagem Cooperativa.

Leonardo Baltazar Cantanhede, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - IFMA/Campus Codó

Graduado em Química Licenciatura Plena pela Universidade Federal do Maranhão, Mestre em Química Analítica pela Universidade Federal do Maranhão e Doutor em Ciências, área de concentração Química Inorgânica, pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Professor da Educação Básica, Técnica e Tecnológica (EBTT) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - IFMA/Campus Codó. Desenvolve pesquisas na área de Ensino de Química. Exerce a função de Coordenador do Grupo de Pesquisa em Ensino de Química do Maranhão - GPEQUIMA e do Grupo de Estudos em Inorgânica e Catálise - GEIC do IFMA/Campus Codó. Fundador e coordenador do Clube de Astronomia de Codó - CAC. Atualmente é docente efetivo do Programa de Pós-Graduação em Química do IFMA e Chefe do Núcleo de Pesquisa, Pós-Gradução e Inovação do IFMA/Campus Codó.

Severina Coelho da Silva Cantanhede, Universidade Federal do Maranhão - UFMA/Campus Codó

Possui graduação em Química Licenciatura pela Universidade Federal do Maranhão, Mestrado em Química pelo Programa de Pós-Graduação em Química da Universidade Federal de São Carlos, PPGQ- UFSCar. Atualmente é doutoranda do Programa de Doutorado em Educação em Ciências e Matemática (PPGECEM) da Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática (REAMEC). Atua na área de Ensino da Química, com ênfase em Textos de Divulgação Científica, Abordagem CTS/CTSA e Métodos de Aprendizagem Cooperativa. É professora Assistente, em regime de dedicação do exclusiva do curso de Licenciatura em Pedagogia da Universidade Federal do Maranhão/Campus de Codó. Atua como coordenadora no Grupo de Pesquisa em Ensino de Química do Maranhão (GPEQUIMA) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão/Campus Codó.

Francisca das Chagas da Silva Ferreira, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - IFMA/Campus Codó

Possui graduação em Licenciatura em Química pelo Instituto Federal de Educação,Ciência e Tecnologia do Maranhão-Campus Codó (2015), Especialização em Educação Especial/ Educação Inclusiva pela Universidade Estadual do Maranhão (2019) e atualmente cursa Especialização em Ensino de Ciências e Matemática pelo Instituto Federal de Educação,Ciência e Tecnologia do Maranhão-Campus Codó. Tem experiência na área de Química, com ênfase em ensino de química, atuando principalmente nos seguintes temas: Ensino de Química, Aprendizagem Cooperativa, método cooperativo jigsaw, métodos cooperativos de aprendizagem e a inclusão dos alunos com deficiência intelectual no ensino de Química.

Downloads

Publicado

2021-08-05

Como Citar

Santos, F. A. de S., Cantanhede, L. B., Cantanhede, S. C. da S., & Ferreira, F. das C. da S. (2021). Método cooperativo no ensino de química: uma abordagem do conteúdo soluções químicas através do método Jigsaw. Revista Debates Em Ensino De Química, 6(2), 254–269. Recuperado de http://www.journals.ufrpe.br/index.php/REDEQUIM/article/view/2796

Edição

Seção

Debates em Ensino e Aprendizagem da Química