Economia, agricultura e clima através de modelo digital do terreno na microrregião Vale do Ipanema | Economy, agriculture and climate through model digital terrain in micro region Vale of Ipanema

Nina Iris Verslype, José Machado, Júlio da Silva Correa de O. Andrade, Ricardo Andrade Wanderley

Resumo


Partindo da ideia que a agricultura está amplamente ligada aos fatores climáticos como temperatura e umidade relativa do ar, e que ela pode contribuir para o aumento de renda, geração de emprego, inclusive de verificar novas fronteiras agrícolas e consequentemente o aumento do PIB e IDH, que é considerado baixo na microrregião. Nesse estudo, foi feita a modelagem digital do terreno da microrregião Vale do Ipanema e de seus municípios, para os parâmetros de precipitação, temperatura, PIB, IDH e população. Os municípios analisados foram: Águas Belas, Buíque, Itaíba, Pedra, Tupanatinga e Venturosa.Com as análises climáticas foi possível perceber que a microrregião apresenta uma baixa capacidade hídrica, devido aos períodos longos de estiagem e as chuvas irregulares, mas mesmo assim a economia local se destaca com a maior produção leiteira pernambucana e como um grande contribuinte à agricultura familiar.

Starting from the idea that agriculture is largely linked to climatic factors such as temperature and relative humidity, and it can contribute to increased income, employment generation, including checking new agricultural frontiers and hence the increase in GDP and HDI, which is considered low in the micro. In this study, was made the digital terrain modeling of the micro region of Ipanema Valley, and its municipalities for the precipitation parameters, temperature, GDP, HDI and population, in order to view the development of the region studied. Municipalities analyzed were: Águas Belas, Buíque, Itaíba, Pedra, Tupanatinga and Venturosa. With climate analysis was possible to realize that the micro-region has a low water capacity due to long periods of drought and erratic rainfall, yet the economy site stands out with the highest milk production Pernambuco and as a major contributor to family farming.


Palavras-chave


Climatics aspects, crops HDI, IDH, culturas, aspectos climpaticos

Texto completo:

PDF

Referências


AGÊNCIA ESTADUAL DE PLANEJAMENTO E PESQUISAS DE PERNAMBUCO – CONDEPE/FIDEM – Perfil Fisiográfico das Bacias Hidrográficas de Pernambuco, 2006.

AGÊNCIA PERNAMBUCANA DE ÁGUAS E CLIMAS – APAC. Disponível em: . Acesso em: 14 jul.2015.

ANDRADE LIMA, Dárdano de. ESTUDOS FITOGEOGRÁFICOS DE PERNAMBUCO.Anais da Academia Pernambucana de Ciência Agronômica, vol. 4, p.243-274, 2007.

COELHO JUNIOR, J. M. ; ROLIM NETO, F. C. ; ANDRADE, J. S. C. O. . TopografiaGeral. 1. ed. Recife: UFRPE, 2014. 97p

CUENCA, Manuel Alberto Gutiérrez. Realocação espacial da agricultura no âmbito de microrregiões: Pernambuco, 1990 e 2004. Aracaju: Embrapa Tabuleiros Costeiros, 2007.

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ATMOSFÉRICAS – DCA. Disponível em:

http://www.dca.ufcg.edu.br/clima/dadospe.htm>. Acesso em: 07 jul. 2015.

GALVÃO, Christyanne Ventura. Contribuição ao estudo da ecodinâmica do semiárido nordestino: áreas do agreste ocupadas por pecuária e algarobeira.Revista de Iniciação Científica da FFC, v. 7, n. 1, p. 22-33, 2007.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA – IBGE.

Informações dos municípios de Águas Belas, Buíque, Itaíba, Pedra, Tupanatinga e Venturosa. IBGE - @cidades, 2014. Disponível em:

. Acesso em: 07 jul. 2015.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA – IBGE. Produção agricola municipal, 1996.

MINISTÉRIO DE DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO – MDA. Plano Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável – PTDRS, 2006.

PLANO TERRITORIAL DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL – PTDRS. Plano Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável do Agreste Meridional de Pernambuco, 2011.

SEBRAE. Bovinocultura leiteira. Disponível em:

. Acesso em: 20 jul. 2015.

SERVIÇO GEOLÓGICO DO BRASIL - CPRM.Diagnóstico dos municípios das microrregiões de Águas Belas, Buíque, Itaíba, Pedra, Tupanatinga e Venturosa.Projeto cadastro de fontes de abastecimento por água subterrânea. Recife: CPRM/PRODEEM, 2005.

SERVIÇO GEOLÓGICO DO BRASIL – CPRM.Programa Geologia do Brasil – Folha Venturosa. Pernambuco: UFPE /CPRM, 2007.

SILVA, J. S., SALES, M. F.& CARNEIRO-TORRES, D. S. Croton (Euphorbiaceae) no Vale do Ipanema, PE. Rodriguésia 60 (4): 879-901. 2009


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 REVISTA GEAMA